Ministério da Justiça abre inquérito para investigar incitação à violência contra Teori

Postado em 23 de março de 2016 às 5:02 pm

Do Globo:

O ministro da Justiça, Eugênio Aragão, determinou nesta quarta-feira que a Polícia Federal abra inquérito para investigar suposta incitação à violência contra o ministro Teori Zavascki, relator da Lava-Jato no Supremo Tribunal Federal (STF). Aragão também determinou o reforço da segurança pessoal do ministro e de sua família.

Teori passou a ser alvo de protestos desde que concedeu liminar para que o juiz federal Sérgio Moro, que conduz a Lava-Jato na primeira instância, envie para o tribunal as investigações contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Os deputados Paulo Pimenta (PT-RS) e Jandira Feghali (PC do B-RJ) procuraram na manhã de hoje o ministro da Justiça para conversar sobre os acontecimentos desencadeados na noite de ontem após a decisão de Teori. Foi divulgado em redes sociais o endereço em Porto Alegre de Alexandre Teori, filho de Teori, e houve manifestação em frente ao local. Hoje houve manifestação em frente ao STF.

Os deputados adiantaram que as medidas para garantir a segurança envolverão a Força Nacional, o Gabinete de Segurança Institucional, a Polícia Federal e a segurança do Supremo.

— Com isso se dará segurança aos ministros e às sessões do Supremo. Também serão apurados e os que fizeram as ameaças, seja por qualquer instrumento de imagem ou rede social — afirmou Jandira, acrescentando:

— Não é possível que o nível de intolerância e de ódio chegue ao ponto de ameaçar um ministro da Supremo Corte brasileira que toma atitude dentro da legalidade para enfrentar as ilegalidades.

Clique aqui e veja as 10 noticias que você precisa ler agora