Presos filmam decapitação no complexo de Pedrinhas em São Luís (MA)

Postado em 7 de janeiro de 2014 às 8:28 am

Vídeo feito por detentos mostra corpos de homens decapitados e torturados do complexo penitenciário de Pedrinhas, em São Luís, no Maranhão. Gravadas no último dia 17 de dezembro, as cabeças são exibidas como troféus. Elas foram identificadas como sendo de Diego Michael Mendes Coelho, 21 anos, Manoel Laércio Santos Ribeiro, 46, e Irismar Pereira, 34.

A governadora Roseana Sarney não quis comentar o vídeo, enviado ao jornal pelo Sindicato dos Servidores do Sistema Penitenciário do Estado do Maranhão, mas afirmou que haverá inquérito para investigar sua veracidade.

A governadora decidiu aceitar o auxílio oferecido pelo Ministério da Justiça e irá transferir os principais presos do complexo de Pedrinhas para presídios federais. Ao todo, foram ofertadas 25 vagas nessas unidades prisionais.

Foi de dentro do complexo que saíram as ordens para os atentados ocorridos no último final de semana.

 

SAIBA MAIS

FOLHA

 

Clique aqui e veja as 10 noticias que você precisa ler agora

  • james

    Quem devia ser decapitada era a bruxa.

  • Marcia Oliveira

    Quanta brutalidade!!

  • Ygor Coelho Soares

    É, não custa lembrar que a grande maioria dos detentos é mesmo muito violenta e imoral, e não apenas “vítimas do sistema”… Claro, há causas sociais – mas também outras que são estritamente individuais, até genéticas em alguns casos – para isso, mas depois que eles já estão adultos são plenamente responsáveis pelas suas maldades e deveriam ser punidos com a dureza da lei, mas a única dureza que encontram no Brasil é a dureza justamente da ilegalidade (da lei do tráfico ou, nas prisões, da superlotação e outras ilegalidades e inconstitucionalidades), porque a legislação em si não serve de muita coisa para transmitir a noção contrária à impunidade.

  • andre i souza

    Eu acho incrível o ponto em que se pode chegar na sede do poder pelo poder. Não querem perder cacife político, visando sempre a próxima eleição, então não deixam haver intervenção. Não é possível, isso tem que parar. Não há lei de responsabilidade fiscal? Pois que se faça a lei de responsabilidade criminal! Quer ser governo, bonitinho, quer? Quer ser o líder, o figurão (rona)? Então tá! Vais ter de responder criminalmente por vidas cefeidas quando se poderia fazer alguma coisa! Beleza?