Universidade onde Moro leciona terá ato contra Lava Jato; filha de Fachin confirmou presença

Postado em 21 de março de 2016 às 9:51 pm

Da Folha e do blog do Tarso:

A Faculdade de Direito da UFPR (Universidade Federal do Paraná), onde leciona o juiz Sergio Moro, será palco de um ato que criticará justamente a suspensão do sigilo telefônico definida na semana passada pelo magistrado, que conduz os processos da Lava Jato.

O chamado “Ato Suprapartidário em Defesa da Democracia” reunirá nesta terça-feira (22), às 19h, colegas de Moro na Faculdade de Direito, além de advogados, defensores públicos e docentes de outras universidades.

Na pauta, serão questionadas decisões tomadas pela Justiça em processos da Lava Jato, como o grampo que revelou uma conversa do ex-presidente Lula com a presidente Dilma.

O evento é aberto ao público e contará com a presença e o apoio de Domingos Dresch da Silveira (Procurador da República e Professor), Marcelo Lavenére Machado (ex-Presidente da OAB Nacional), José Antônio Peres Gediel (Procurador do Estado e Professor), Adriano Zocche (Juiz de Direito/MG), Lívia Martins Salomão Brodbeck (Defensora Pública), Cláudio Antônio Ribeiro (Advogado) e Melina Fachin (Advogada e Professora), entre outros.

 

Clique aqui e veja as 10 noticias que você precisa ler agora