Está clara a mensagem da condução coercitiva do blogueiro Eduardo Guimarães. Por Paulo Nogueira

Guimarães
Guimarães

Está em curso uma tentativa de intimidação de blogueiros independentes.

Um deles, Eduardo Guimarães, do Blog da Cidadania, foi levado às 6 horas da manhã por agentes da Polícia Federal para um depoimento coercitivo.

O motivo, aparentemente, teria sido um vazamento publicado por Guimarães a respeito de supostos planos da Lava Jato para Lula.

Dada a escala de vazamentos da Lava Jato para as grandes organizações de mídia, soa como uma piada.

Mas não é.

É um gesto concreto, de simbolismo claro. O que está sendo dito ao jornalismo que se opõe ao golpe é: calem a boca.

O DCM entendeu a mensagem e dentro dos limites do jornalismo que pratica — sério, responsável, baseado em fatos e não em especulações — já tem a resposta: não nos calaremos.