Palmério Doria: “Esse governo ilegítimo só poderá ser sustentado com repressão”