Lista do BNDES divulgada como novidade por Bolsonaro já havia sido publicada no governo Temer

Publicado em 18 janeiro, 2019 8:23 pm

Reportagem de Vinicius Neder e Renata Agostini no Estado de S.Paulo informa que, divulgado com entusiasmo nas redes sociais pelo presidente Jair Bolsonaro e seus auxiliares, o ranking de 50 maiores clientes do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), divulgado nesta sexta-feira, 18, pela instituição de fomento, já havia sido publicado pelo banco estatal durante o governo Michel Temer.

De acordo com a publicação, a tabela trazendo os 50 maiores tomares de recursos do banco foi publicada no “Livro Verde”, lançado em julho 2017 na gestão do ex-presidente Paulo Rabello de Castro. Na ocasião, o BNDES compilou os 50 maiores clientes, considerando os valores emprestados de 2001 a 2016. Já era possível identificar que a Petrobrás e a e Embraer lideravam o ranking de maiores tomadores. A ferramenta divulgada hoje pelo BNDES seria uma resposta à demanda por mais transparência, após o presidente Jair Bolsonaro prometer que seu governo abriria a “caixa-preta” do banco estatal. Sua divulgação foi comemorada por Bolsonaro e apoiadores no Twitter. As informações, contudo, já eram públicas há anos.

Em nota divulgada ainda na madrugada desta sexta, o BNDES explicou que a nova ferramenta de consulta de informações busca melhorar a experiência do usuário, dentro do compromisso de facilitar o entendimento do público das operações efetuadas pelo banco, completa o Estadão.