Restaurante de Nova York que vetou Bolsonaro recebe jantar de gala da comunidade LGBT

Publicado em 20 abril, 2019 5:25 pm
Festa no Cipriani, que vetou Bolsonaro

O Centro Comunitário LGBT de Nova York realizou seu jantar anual em Nova York na noite de quinta-feira, dia 18, arrecadando mais de US $ 2,2 milhões para seus vários programas e serviços, enriquecendo as vidas da comunidade gay de Nova York, diz a revista Out.

A festa no Cipriani Hall, em Wall Street, recebeu os gays da cidade para uma noite em homenagear a homossexuais influentes como o âncora da CNN, Don Lemon, que ganhou o prêmio Prêmio Impacto Comunitário, e Lena Waithe, ganhadora do Prêmio Trailblazer.

A exemplo do Museu Nacional de História Natural, o Cipriani Hall se recusou a sediar o evento Pessoa do Ano, da Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos, que vai laurear Bolsonaro.

Para Paulo Guedes, é tudo pressão do prefeito Bill de Blasio.

Bolsonaro is not welcome here

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!