“Não vou comentar”, diz ex-diretor da Veja que deu nota fraudada sobre gravidez de Mirian Dutra

Postado em 19 de fevereiro de 2016 às 9:13 pm

O repórter Pedro Zambarda entrou em contato com o jornalista Mario Sergio Conti, ex-diretor da revista Veja entre 1991 e 1997, atualmente colunista do jornal Folha de S.Paulo e apresentador da GloboNews.

Para a revista BRAZILCOMZ de fevereiro, Mírian disse que foi “obrigada” a contar, na coluna social da Veja, que estava grávida de um “biólogo”. “Foi Fernando Henrique com Mario Sergio Conde (sic)”, afirmou.

Em 2000, o jornalista Palmério Dória, da revista Caros Amigos, ligou para todos os diretores de redação buscando descobrir por que a história foi abafada. Conti lhe respondeu, apoplético: “Palmério, você acha que eu vou mover uma agulha por você? Você me comparou com o David Nasser (repórter da revista sensacionalista Cruzeiro). Eu não sou da sua laia! Leve a sua calhordice até o fim!”.

Este foi o diálogo com MSC:

Alô? Por favor, gostaria de falar com Mario Sergio Conti?

É ele.

Mario Sergio, tudo bem? Gostaríamos de uma declaração sua sobre o caso Mirian-FHC. Ela te acusa de publicar uma matéria mentirosa na Veja. Isso é verdade?

Não vou comentar sobre este assunto.

Mas ela afirmou isso na revista BRAZILCOMZ. Você não quer desmenti-la?

Não vou comentar sobre este assunto.

Você não deseja mesmo se manifestar sobre isso?

Não vou comentar. Já disse três vezes que não vou comentar!

Clique aqui e veja as 10 noticias que você precisa ler agora