“Quem está com medo sou eu”, diz Mirian Dutra ao DCM após notícia falsa de sua morte no Facebook

Postado em 26 de fevereiro de 2016 às 9:50 am

Mirian Dutra entrou em sua página no Facebook para desmentir a “notícia” de sua “morte”.

O texto, postado em sua conta, dizia, em espanhol: “Lamentamos informar que la Sra Mirian Dutra Schmidt ha fallecido hoy en Madrid. Rogamos una oración por su alma.”

Alguém invadiu seu Facebook. “Loucura! Estava fazendo exames! Ainda não morri!”, escreveu a jornalista. “Alguém postou”.

Ela falou com o repórter Joaquim de Carvalho, do DCM.

Mirian está internada no Hospital Quirón, em Madri, desde quarta-feira, com crise de fibromialgia. Não é nada grave, segundo ela, mas o médico pediu exames gerais e, por isso, ela teve de ser hospitalizada. Hoje cedo, com o telefone colocado no modo avião na gaveta do quarto, muita gente tentou falar com ela, mas não conseguiu, exceto o filho, Tomás, que viu a falsa nota da morte dela, em sua página no Facebook, e ligou para o hospital, porque sabia que ela estava lá.

“Uma enfermeira veio ao quarto e perguntou: ‘Você tem um filho chamado Tomás? Ele está no telefone e quer falar com vocês. Atendi, e o Tomás estava muito agitado e me contou que tinha lido esta nota. “Hackearam a minha página, que maldade, que crueldade”, disse.

Alertada, ela tirou o celular do modo avião e começou a atender às chamadas, entre elas a minha. “Tem muita gente me ligando.  Avisa todo mundo que eu estou viva. Viva!”, disse, num tom mais alto e firme. 

Você acha que pode ter sido algum tipo de ameaça? 

“Agora quem está ficando com medo sou eu. Tão publicando muita foto do Tomás na internet, tirando do meu Facebook sem minha autorização, mexendo com a minha vida. Não gostei do que fizeram no meu Facebook. É coisa de hacker. Mas ameaça… Será?” Mirian deve sair do hospital até domingo, depois que concluir os exames.

 

mirian dutra

 

 

Clique aqui e veja as 10 noticias que você precisa ler agora