75 anos de Lula começam a ser comemorados hoje com eventos no Brasil e no exterior

As atividades, organizadas pelos Comitês Lula Livre, além de celebrar vida de Lula, exigirão a restituição de seus direitos políticos

Originalmente publicado por REDE BRASIL ATUAL

A segunda edição do Lula Day está marcada para iniciar no próximo sábado (24). O evento comemora o aniversário de 75 anos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva com uma extensa programação nacional e internacional entre os dias 24 e 27 de outubro.

As atividades, organizadas pelos Comitês Lula Livre dentro e fora do Brasil, têm o intuito de celebrar a vida e a contribuição do ex-presidente, mas também de exigir sua liberdade plena e a restituição de seus direitos políticos. Neste ano, a edição ocorre em diversos países como Itália, Canadá, Portugal, França, China, Estados Unidos, Inglaterra, Bélgica, Suíça, Alemanha, Espanha, Israel e Suécia.

“A data tem a intenção de promover os direitos da classe trabalhadora, representados por Lula desde sua atuação como líder sindical, e de estimular ações em prol da justiça social, diversidade, responsabilidade socioambiental, fortalecimento da democracia e paz entre os povos; práticas fomentadas por ele durante sua trajetória como presidente do Brasil e como um dos líderes globais mais populares de todos os tempos”, diz nota do Comitê Lula Livre.

Final de semana

A programação global do Lula Day se inicia no sábado, na Catalunha (Espanha). No Brasil, está marcada uma manifestação em Florianópolis, com colocação de faixas na Catedral e depois na ponte Hercílio Luz. No mesmo dia, em São Paulo, coletivos irão fazer projeções com imagens na zona oeste da cidade.

Já no domingo, as principais comemorações e atos concentram-se fora do Brasil. Em Ravenna (Itália), haverá um encontro com políticos locais e discussão sobre o lawfare contra Lula. Em Nova Iorque (EUA), serão duas atividades: o coletivo Alerta fará uma entrevista com os jornalistas Brian Meir e David Griscom, e a Amsterdam Collective Casa de Cultura, no bairro do Harlem, apresentará a Segunda Exibição Anual Lula Day-Arte e Resistência.

Ainda no mesmo dia, na Suíça, o Comitê Lula Livre Genebra realiza a Homenagem ao Legado e Resistência Internacional pela Plena Liberdade de Lula. A atividade virtual contará com a participação do deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS), de Suzete De Paiva Kourliandsky, da associação Alma Paris, e do secretário Geral de IndustriAll Global Union Valter Sanches, entre outros nomes.

Na segunda-feira (26), na Bélgica, a artista plástica Inêz Oludé da Silva apresentará virtualmente o projeto perpétuo “1000 Pássaros para Lula” e “Poemas para a Paz”, uma homenagem às crianças “sem terrinha” e “sem casinha” do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST).

Aniversário de Lula

Na terça-feira (27), dia oficial do aniversário de Lula, haverá uma programação especial. Diversas capitais brasileiras promoverão um “abraço a distância”, por conta da pandemia de covid-19, para homenagear o ex-presidente.

Em Maceió, a militância se reúne em ato simbólico em frente ao antigo Produban, no centro da cidade, com bolo e faixas. A mesma homenagem será feita em Porto Alegre, no Largo Glênio Peres, e em Goiânia, no Setor Central. Em Vitória, haverá uma serenata na sacada do hotel na Praça Vermelha, com oficinas entre 12h e 15h.

No Distrito Federal, o Comitê Lula Livre realiza o ato “Anula STF”, em frente ao Supremo Tribunal Federal, exigindo a votação do habeas corpus do ex-presidente. No final do dia, um programa especial será exibido nas redes sociais do Comitê, do Instituto Lula e do PT.

Em entrevista ao portal Opera Mundi, Amanda Lisboa, que faz parte da equipe organizadora do evento, disse que o Lula Day é um momento para reafirmar os legados do ex-presidente. “Através de debates entre acadêmicos, ativistas, analistas políticos e lideranças sociais em diversos países, o Lula Day pretende ampliar o entendimento em torno da importância de avanços, como os que Lula propiciou para a população”, afirmou.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!