Candidato a nada, Moro vai aos EUA com agenda presidencial. Quem paga?

Atualizado em 6 de abril de 2022 às 18:54
Sérgio Moro nos Estados Unidos. Foto: Reprodução/Site do PSOL

O ex-candidato a presidente, ex-juiz ex-sabe Deus o quê Sergio Moro (União Brasil, por ora) vai fazer uma viagem aos EUA. Nesta quarta, dia 7, embarca para uma série de compromissos em Washington.

Estão na agenda reuniões com o secretário-geral da Organização dos Estados Americanos (OEA), Luis Almagro, e com “investidores estrangeiros”.

Embora saiba tanto de economia quando um chimpanzé e o sonho do Planalto tenha virado pó de traque, vai falar sobre “investimento no Brasil”.

Ainda participará de um certo “Diálogo Interamericano — Discussão fechada sobre as eleições presidenciais brasileiras e as dinâmicas subjacentes à campanha” e de um convescote no Conselho Empresarial dos EUA.

A empresária Roberta Luchsinger entrou com uma notícia-crime contra Moro e a mulher Rosângela. Segundo Roberta, o casal, que tentará vaga na Câmara por São Paulo, não possui domicílio eleitoral no estado.

Quem está pagando a conta do passeio?

O Podemos já tem um rombo de 3 milhões de reais em nome do cidadão. O União Brasil não bancaria, já que não quer Moro nessa aventura presidencial. Jabá? Tudo convite? 

Pode ser. Sempre resta uma alternativa a Sergio Moro: presidente dos EUA. Por que não? C’mon, boys!

AGENDA DE SERGIO MORO NOS EUA De 07 a 09/04/2022 

Quarta-feira – 6 de abril 

Embarque para Washington DC. 

Quinta-feira – 7 de abril 

Reunião com o Secretário-Geral da Organização dos Estados Americanos (OEA), Luis Almagro 

Videochamada com investidores estrangeiros sobre investimento no Brasil 

Sexta-feira, 8 de abril 

Reunião com Conselho Empresarial dos EUA na Câmara de Comércio dos EUA 

Reunião na Universidade de Georgetown – Entrevista no Instituto das Américas 

Sábado, 9 de abril 

Participa de sabatina da 8a Edição do Brazil Conference no Hyatt Regency Cambridge (Boston/MA) 

Retorno ao Brasil 

Sergio Moro será o convidado da Adrienne Arsht Latin America Center do Atlantic Council para uma conversa pública transmitida ao vivo para debater a luta do Brasil contra a corrupção, as próximas eleições e sua visão para o Brasil nos próximos anos.