A Globo não combinou com os russos. Por Moisés Mendes

Vacina russa Sputnik-V – Reprodução

Publicado originalmente no Blog do Autor:

A Globo tentou entrar e filmar dentro da fábrica da Sputnik na Rússia. A Globo queria entrar não só nos escritórios, mas nos laboratórios.

Não conseguiu e denunciou as restrições como arbitrárias.

Pois tente descobrir o que aconteceria com um repórter e um cinegrafista que tentassem entrar e filmar, não dentro dos estúdios, mas nos pátios da Globo no Rio. A dupla não passaria da primeira portaria.

Mas a Globo acha que pode entrar no ambiente em que se produz a vacina mais boicotada pela direita mundial.

Para a Globo, o laboratório da fábrica da Sputnik é como o vestiário do Flamengo no Maracanã.

(Álvaro Pereira, um grande jornalista, pagou o mico de tentar entrar onde talvez só o Putin entre. Pereira cumpriu a pauta burra, que não tem chance de dar certo, para que a Globo amplie as suspeitas em torno da Sputnik.)

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!