Abandono: Fernando de Noronha, tesouro do turismo nacional, está sem salva-vidas

Fernando de Noronha. Foto: Wikimedia Commons

De uma amiga do DCM:

Fernando de Noronha é um dos destinos mais procurados por turistas no litoral brasileiro. O arquipélago tem nos esportes aquáticos e no turismo náutico suas principais atrações.

No entanto, hoje, o arquipélago amanheceu com a notícia de que todos os bombeiros que atuavam na área foram transferidos de uma só vez. Noronha está sem salva-vidas.

A denúncia é do deputado Joel da Harpa que recebeu, perplexo, cópia do Suplemento de Pessoal nº 012/2021 do Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco.

Preocupado, o parlamentar já entrou em contato com o efetivo e recebeu mais denúncias sobre o descaso quanto a segurança dos turistas que frequentam a Ilha.

“As informações são de que o efetivo vem sendo reduzido aos poucos e já a alguns dias não há salva – vidas atuando no Arquipélago. As praias estão abandonadas. Também a atraso no pagamento do PJES, dificuldades quanto a alimentação do efetivo e a notícia de que o Grupamento deixará de existir. Um verdadeiro absurdo”, diz Joel.

Ele explica que o Grupamento de Noronha foi criado através da Lei Nº 16.277, de 27 de dezembro de 2017 e que a atitude de extinção e transferência de todo o efetivo é totalmente arbitrária.

“Não é para menos, pois as suas belezas naturais encantam os visitantes que agora estão totalmente a mercê da própria sorte, sem contar a falta de respeito para com os profissionais se capacitaram especialmente para melhor realizarem suas missões e não recebem o mínimo”, conclui o deputado.

******

Enquanto isso, o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, passeia em Roma numa certa Conferência dos Ministros da Cultura dos Países do G20 com seu subalterno Mário Frias. 

Gilson Machado e Mário Frias no Coliseu de Roma enquanto queimava a Cinemateca

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!