“Ação da PM contra manifestantes não foi autorizada pelo governo”, diz vice-governadora de Pernambuco

Homem agredido em manifestação contra Bolsonaro no Recife

Luciana Santos, vice-governadora de Pernambuco e presidenta nacional do PCdoB, foi às redes sociais para dizer que a ação da PM contra manifestantes neste 29 de maio não foi autorizada pelo governo.

“Acabo de saber do episódio na [Avenida] Dantas Barreto. O governador Paulo Câmara tem se pautado pela democracia e pelo diálogo”, diz em vídeo.

“Condenamos esse tipo de atitude e vamos tirar as consequências”.

Se é verdade, o governador está lidando com milicianos na corporação. Se é mentira, pior ainda.

Os soldados deram tiros de bala de borracha e soltaram bombas de efeito moral. Agrediram gratuitamente homens e mulheres, jovens e velhos.

A vereadora Liana Cirne, do PT, tentou interceder junto à polícia em defesa dos democratas e levou um spray de pimenta na cara.