Acredite se quiser: Globo vai exibir matéria paga em programa esportivo a partir de 2019

Alex Escobar aponta para marca em vídeo apresentado ao mercado publicitário, mas (ainda) não levado ao ar. Foto: Reprodução/Globo

Daniel Castro e Gabriel Souza do site Notícias da TV informam que, depois de fazer seus locutores citarem marcas durante as transmissões de futebol, a Globo dará mais alguns passos rumo à integração do editorial com o comercial no seu jornalismo esportivo. No ano que vem, Galvão Bueno e companhia bela irão “escalar” os patrocinadores no início de 15 dos 95 jogos que a emissora irá transmitir. E o Esporte Espetacular passará a exibir conteúdo pago, quebrando um tabu que até alguns anos atrás parecia inabalável.

As novidades integram o plano de patrocínio das transmissões do futebol, o principal pacote comercial da TV brasileira há décadas. Cada cota de 2019 foi colocada à venda por R$ 310 milhões, o que significa que a emissora terá uma receita bruta de R$ 1,860 bilhão, mais que todo o faturamento (R$ 1,845 bilhão) da Record em 2017.

Dos seis patrocinadores de 2018, quatro vão continuar em 2019 (Ambev, Vivo, Chevrolet e banco Itaú). Unilever e a Hypera não renovaram. A Casas Bahia estará de volta. A expectativa da emissora era vender tudo até a última segunda (17), mas uma cota ainda está disponível.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!