Acuado pelos vazamentos, Moro lança a candidatura de Bolsonaro à reeleição em 2022

Bolsonaro e Moro

Sem agenda no governo – o projeto anticrime não anda no Congresso e ele não faz a menor ideia de onde está o Queiroz -, e acuado pelos vazamentos da Lava Jato, Sergio Moro pendurou de vez em Bolsonaro.

Enquanto aguarda a decisão sobre a presença de ambos na final da Copa América, neste domingo, aproveitou um evento de empresários em São Paulo para lançar a candidatura do chefe à reeleição em 2022.

Questionado sobre sua intenção em se candidatar, segundo o UOL, o ex-juiz da Lava Jato disse que, mesmo sendo cedo para tratar do assunto, está com Jair e não abre.

“O candidato do governo vai ser o presidente à reeleição”, afirmou.

Dependendo do teste nas arquibancadas do Maracanã, Moro corre o risco de nem aparecer na foto ao lado de Jair daqui a três anos.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!