Advogada com coronavírus acompanhou Jair e voltou com o presidente no mesmo avião dos EUA

Atualizado em 13 de março de 2020 às 20:57
Karina Kufa com Bolsonaro

Depois do secretário de Comunicação, Fabio Wajngarten, testar positivo para o coronavírus, a advogada de Bolsonaro, Karina Kufa, também apresentou sintomas e foi diagnostica com o vírus.

Karina e Fábio contraíram a doença em viagem com o presidente aos Estados Unidos, onde Bolsonaro esteve com o prefeito de Miami, Francis Suarez, também diagnosticado, e Donald Trump.

Na viagem de volta, tanto Karina quanto Fábio estavam no mesmo avião de Jair, o que reforça a necessidade de isolamento do presidente até a contraprova definitiva sobre se está ou não contaminado.

No jornal O Globo, Bela Megale disse que o resultado do exame de Karina saiu nesta sexta, 13, “e deu positivo. Ela também é tesoureira do partido Aliança pelo Brasil, que está sendo articulado pela família Bolsonaro.

A advogada é a segunda integrante da comitiva que viajou com o presidente Jair Bolsonaro para os Estados Unidos a  contrair o coronavírus. Ela fez o teste após ser confirmado que o chefe da Secom, Fabio Wajngarten, havia sido contaminado pelo vírus.

Procurada pela coluna, Karina disse recebeu o resultado nesta tarde e que está seguindo todos os protocolos recomendados pelos médicos.

Desde que chegou em Brasília, a advogada está hospedada em um hotel para preservar sua família. Ela mora com os pais e um filho.