Apoio de Lula faz Kalil liderar em Minas, diz pesquisa

Atualizado em 23 de abril de 2022 às 7:13
Lula e Kalil
Kalil cresce e lidera com o apoio de Lula. Foto: Reprodução/Metrópoles

Alexandre Kalil (PSD) apareceu em segundo lugar, bem atrás de Romeu Zema (Novo), segundo pesquisa do Instituto Ver, encomendada pela Itatiaia e que foi liberada nesta semana. Mas na noite da última sexta-feira (22) outro cenário foi divulgado e mostra que o prefeito de Belo Horizonte cresce vertiginosamente, se apoiado por Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

O Instituto divulgou o cenário em que aponta para o entrevistado que Zema teria o apoio de Jair Bolsonaro (PL) e Kalil seria o nome de Lula em Minas nas eleições. Enquanto sem este apoio, o atual governador aparece com 44% e o adversário com apenas 22%, a situação muda completamente de figura, quando ancorado pela disputa presidencial.

No levantamento, Kalil vai a 33%, num crescimento de 11 pontos percentuais ajudado por Lula, e Zema é atrapalhado por Bolsonaro, perdendo 12%, indo a 32 e ficando em segundo lugar. Com este cenário, a disputa para o governo de Minas Gerais muda de configuração e se mostra completamente aberta. Vale lembrar que, sem o apoio do petista, neste momento o prefeito de Belo Horizonte perderia no primeiro turno.

Não chega a ser uma costura considerada difícil, já que Kalil deu sinais claros de que quer o apoio do ex-presidente e de que dará palanque a ele durante a Campanha. Com o reconhecimento de Gilberto Kassab, presidente do PSD, de que o partido não deverá lançar candidatura própria, o anúncio do apoio formal deve ser questão de tempo.

O resultado apresentado na pesquisa faz sentido, já que Lula lidera com folga a corrida eleitoral para presidente em MG. Considerado um estado-chave, já que quem vence ali normalmente é eleito, o petista tem aparecido com larga vantagem na disputa contra Bolsonaro, que venceu na região em 2018.

Imagem