Bolsonaristas espalham fake news sobre o menino João Pedro, morto pela PM no Rio, e o associam ao tráfico

Montagem com foto falsa de João Pedro o acusa de ser bandido

Enquanto o mundo vai às ruas por justiça a George Floyd, e aqui no Brasil a população ainda lamenta a perda do menino João Pedro, bolsonaristas espalham fake news sobre o garoto assassinado durante uma operação conjunta da Polícia Federal, com apoio da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core), no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, Região Metropolitana do Rio.

Um vídeo com imagens de um adolescente com armas de fogo e drogas é compartilhado pela milícia bolsonarista no Twitter, com a mensagem “olha o João Pedro que o Fantástico domingo dizia que era um pobre menino que estudava e sonhava ser jogador de futebol”.

É o mesmo expediente que foi usado após o assassinato de Marielle Franco, quando uma enxurrada de mensagens inundou as redes sociais – uma delas mostrava uma foto falsa da vereadora com Marcinho VP.

Outra postagem atribuía a Marielle um vídeo de um discurso de defesa de traficantes mortos por policiais no complexo do Salgueiro.

Nenhuma delas é verdadeira, assim como são falsas as imagens do adolescente que os milicianos tentam vender como se fossem do menino João Pedro.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!