Bolsonaro se comporta que nem criança e faz lambança na mesa em encontro de Estado. Por Orlando Brito

Imagem: Orlando Brito

PUBLICADO NO PORTAL OS DIVERGENTES

Quando era ainda candidato a presidente, no ano passado, Jair Bolsonaro aparecia nos vídeos que publicava nas redes sociais colocando leite condensado no pão, durante o café-da-manhã. A imagem bombou na Internet. Tanto que vários de seus seguidores passaram a copiar o hábito.

Agora presidente, nessa quinta-feira Bolsonaro começou o dia com um café-da-manhã, no Salão Oeste do Palácio Planalto, oferecido às senadoras e deputadas dos partidos que o apoiam, em torno de sessenta mulheres. A mesa estava posta, servida de suco de laranja, bolo de milho, pão com manteiga, água e cafezinho.

Na hora da apresentação das senhoras parlamentares, a deputada Angela Amin, de Santa Catarina, agradeceu pela acolhida no Planalto e disse que sentiu falta no cardápio daquele leite condensado que ficara famoso na campanha eleitoral. Levantou-se de sua cadeira e foi até o presidente. Presenteou-lhe com uma latinha do produto.

Ao lado do ministro Dias Toffoli, presidente do Supremo Tribunal Federal, também convidado para o evento, Bolsonaro agradeceu e não teve dúvida: levantou o presente com as mãos, num gesto que remete ao zagueiro Bellini, capitão da Seleção Brasileira em 1958.

Em seguida, três outras deputadas repetiram a colega catarinense.

Uma, deu-lhe um pacote de café torrado produzido em seu estado. Outra uma, um pacote de goiabada caseira, feita em sua cidade. E por último, o presidente ganhou uma garrafa de aguardente Havana, produzida em Salinas, Minas Gerais, considerada a melhor cachaça do mundo.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!