“Caldeirão fascista”: antropóloga conta como foi a diplomação no RS

Antropóloga Rosana Pinheiro-Machado. Foto: Arquivo Pessoal

A cientista social e antropóloga Rosana Pinheiro-Machado relatou, em seu perfil no Twitter, como foi a diplomação dos eleitos no Rio Grande do Sul.

Leia na íntegra o relato:

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!