Chanceler venezuelano prescreve chá calmante para lunático do Itamaraty. Por Jeferson Miola

Ernesto Araújo. (foto: Evaristo Sá/AFP)

Publicado originalmente no blog do autor

POR JEFERSON MIOLA

Durante reunião ministerial da Conferência Iberoamericana [nesta 3ª feira, 1/12], o Chanceler da Venezuela Jorge Arreaza prescreveu chá de moringa como tranquilizante para o lunático chanceler bolsonarista Ernesto Araújo [vídeo].

Arreaza esclareceu que Fidel Castro investigou as múltiplas propriedades da moringa, e indicou ao lunático a receita elaborada pelo Comandante cubano.

Para Arreaza, Araújo, que no seu pronunciamento atacou a Venezuela, precisa se acalmar e ter tolerância ideológica para discutir mudança climática, democracia, direitos humanos, Amazônia, sistema-mundo, geopolítica etc.

Para o Chanceler venezuelano, causou estranheza que Araújo tenha usado parte dos seus 7 minutos de pronunciamento para atacar especificamente um dos 22 países integrantes da Conferência a respeito dos direitos humanos.

No seu discurso, Arreaza lembrou que “Jair Bolsonaro, como deputado, dizia que o erro da ditadura foi torturar, e não matar”, recordando também que os militares brasileiros “torturaram e mataram brasileiros que lutavam por sua liberdade”.

Ironizando o súbito compromisso do governo brasileiro com direitos humanos, Arreaza mencionou que “Bolsonaro também disse que seria incapaz de amar um filho homossexual”.

Arreaza ainda mandou uma mensagem de conforto e solidariedade aos funcionários do Itamaraty, “que estão em resistência se envergonham das posições” do lunático Araújo.

Aos diplomatas brasileiros, ele mandou um recado tranquilizador: “tranquilo, isso é temporário, nenhum Chanceler consegue apagar a excelência do que representa o Itamaraty. No final, estes anos serão apenas uma má lembrança e nada mais!”.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!