Christopher Nolan vai revolucionar o Universo DC?

Há rumores de que ele, diretor da trilogia do Batman, supervisionará todos os filmes de herói da Warner.

Legenda
O seu passe está valorizado depois do sucesso de Cavaleiro das Trevas

O site Latino Review anunciou recentemente que Christopher Nolan, diretor da trilogia do Cavaleiro das Trevas, teria sido convidado a supervisionar todos os filmes do Universo DC para a Warner Bros – algo parecido com o que a Marvel faz com seus filmes, criando um universo em que todos os seus super-heróis coexistem.

É verdade que o Latino Review pode não ser uma trend (sites que fazem os anúncios para os estúdios, como Variety e Hollywood Reporter), mas já tem sua lista de furos. Foi ele que descobriu, por exemplo, que Heath Ledger havia sido contratado para interpretar o Coringa em 2006.

Segundo a matéria, Christopher Nolan supervisionaria o filme da Liga da Justiça, uma das grandes apostas da Warner – o roteiro que havia sido escrito por Will Beall já foi descartado pelo estúdio, que irá começar o trabalho do zero. Ainda cita que Zack Snyder, diretor de 300 e O Homem de Aço, dirigiria o filme, que contaria com Henry Cavill, o novo Super-Homem, e a volta de Christian Bale como Batman.

Por um lado, o fato de uma equipe renomada estar tomando conta de uma das maiores produções futuras do estúdio é positivo, uma vez que o roteiro da Liga da Justiça havia sido criticado por todos que o leram e a tarefa de realizar esse filme é um verdadeiro desafio.

Por outro, há algumas perguntas a serem feitas. A Warner, claramente, quer seguir o rumo da Marvel quando fez Os Vingadores, mas sua pressa é tamanha (e provavelmente por conta do fim de outras franquias grandes do estúdio, como Harry Potter e do próprio Cavaleiro das Trevas), que estão colocando a carroça na frente dos bois, querendo fazer um filme de um conjunto de heróis antes de realizar seus filmes solos, como a Marvel fez. Seria importante criar uma identificação para heróis que farão parte da Liga, como Flash e Mulher-Maravilha, projetos que até pouco tempo eram tidos como prioridade pelo estúdio. É preciso lembrar também que alguns dos filmes de heróis recentes da Warner foram um grande fracasso, como foi o caso de O Lanterna Verde.

Outra questão é se o filme da Liga da Justiça e os futuros filmes solos do heróis terão como base os filmes de Nolan, que dirigiu a trilogia do Cavaleiro das Trevas e produz O Homem de Aço – esses filmes geralmente buscam uma atmosfera mais realista (dentro do possível, é claro) para seus personagens. Seria estranho ver alguns dos heróis da DC com esse mesmo tom, provavelmente. E já estamos fartos de filmes de super-heróis tentando ser sombrios como o Batman de Nolan (o último que tentou copiar o tom foi O Incrível Homem-Aranha, que de incrível só teve o título).

Fora tudo isso, caso o rumor se torne realidade, Nolan provará que é um grande fanfarrão. Fez todo um discurso de que seus heróis existiam num universo só deles (não há Super-Homem no mundo de Batman e vice-versa) e que O Cavaleiro das Trevas Ressurge seria o fim de sua história com Batman – que, segundo o Latino Review, voltaria interpretado por Christian Bale no filme da Liga da Justiça. Será que Bruce Wayne dará um pé na bunda da Mulher-Gato e do Robin, surpreenderá o mundo mostrando que está vivo e voltará a ser o Batman para combater o crime com o Super-Homem e a Mulher-Maravilha?

O possível sucesso de O Homem de Aço – que vem recebendo um burburinho positivo nos bastidores de Hollywood – traria um alívio para o estúdio, que provavelmente priorizaria esta nova franquia e deixaria para depois o filme do conjunto (talvez até tentando fazer filmes solos e desenvolver seus outros personagens). Enfim, cenas para os próximos capítulos. Mas minha torcida é para que isso aconteça. E que essa hashtag se torne uma trend: #nolanfanfarrão.

Este texto foi publicado originalmente no site El Hombre

Sua tarefa será transformar isso num filme
A Warner quer seguir o rumo da Marvel, que fez Os Vingadores, e filmar a sua Liga da Justiça

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!