Cobertura de Brumadinho no programa da Ana Maria Braga na Globo é criticada na internet

Foto: Reprodução

Da Veja:

Durante a semana, tem sido inevitável para o espectador acompanhar detalhes da tragédia de Brumadinho, em Minas Gerais. Tanto no noticiário da Globo quanto em programas matutinos quanto o Bem Estar e o Encontro, o tema tem aparecido com frequência – e tem dominado a duração das atrações. A maior parte dos espectadores parece respondido bem ao clima de plantão ininterrupto. Mas, nesta quinta (31), a cobertura que o Mais Você fez do caso rendeu mais críticas que elogios nas redes sociais.

Enviado ao local da tragédia, o repórter Fabrício Battaglini parecia não ter muito conteúdo para preencher os mais de 30 minutos dedicados à cobertura. Ele entrou ao vivo de uma região onde moradores tentavam limpar terrenos atingidos pela lama. Mas, na falta de pessoas no local, Fabrício passou boa parte do tempo falando com uma moradora chamada dona Augusta, que lamentava o ocorrido e, em dois momentos, repetiu que estava “nas mãos de Deus, traumatizada”.

(…)

Para piorar, antes da entrada ao vivo da cobertura, vazou uma risada que possivelmente teria vindo do estúdio do programa. Depois de um comentário de Ana Maria Braga sobre dona Augusta, ela voltou a ser entrevistada e a dizer novamente o que já havia dito. Insistente, o repórter tentou gritar uma pergunta ao marido da moradora, que não quis responder.

(…)

Nas redes sociais, muitos se incomodaram com o tom do registro, acompanhado por música dramática.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!