Com Lula, Jaques Wagner vence ACM Neto na Bahia, diz pesquisa

O ex-presidente Lula e o senador Jaques Wagner. Foto: Ricardo Stuckert
O ex-presidente Lula e o senador Jaques Wagner. Foto: Ricardo Stuckert

Associado ao nome do ex-presidente Lula (PT), o senador Jaques Wagner (PT-BA) venceria as eleições para governador da Bahia em 2022. É o que mostra a pesquisa BN/Paraná Pesquisas, divulgada na manhã desta quinta-feira (02), pelo jornal Bahia Notícias.

Na pesquisa feita entre os pré-candidatos a governador sem associação direta com seus presidenciáveis, o resultado é bem diferente.

Leia mais:

1. Bancada do PSB quer federação com PT em torno de Lula

2. Brasileira toma golpe e perde R$ 880 mil achando que namorava músico internacional

3. Preços do boi e do frango sobem mais de 40% até setembro

Nas entrevistas feitas apenas com o nome dos pré-candidatos ao governo da Bahia, o ex-governador Jaques Wagner aparece com 23,1% das intenções de voto e o atual prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), com 54,8%.

Em um outro cenário da pesquisa, em que foi associado o nome de Wagner ao de Lula e o de ACM Neto ao de Sérgio Moro (Podemos), o petista sobe para 36,8%, assumindo timidamente a liderança, enquanto Neto cai para 36,6%.

O outro nome testado pela pesquisa nesse cenário é o de João Roma (Republicanos), atual ministro da Cidadania. Associado ao presidente Jair Bolsonaro (PL), Roma tem 13,6%. Na pesquisa sem os presidenciáveis, o ministro tinha apenas 3,9%.

O levantamento do Bahia Notícias em parceria com o Instituto Paraná Pesquisas foi feito por meio de entrevistas pessoais por telefone, não robotizadas. Foram ouvidos 2002 eleitores em 200 municípios da Bahia, entre os dias 24 e 28 de novembro.

Com informações do Bahia Notícias

Participe de nosso grupo no WhatsApp clicando neste link

Entre em nosso canal no Telegram, clique neste link