Como ficam os garotos amigos do bandido americano? Por Moisés Mendes

Publicado originalmente no blog do autor

Por Fernando Brito

Se prenderam Steve Bannon, o marqueteiro do fascismo americano por fraude eleitoral, poderão um dia prender os garotos de Bolsonaro e seus cúmplices no Brasil pelos mesmos crimes?

Os garotos de Bolsonaro, amigos de Bannon, têm com o que se preocupar? Ou o que acontece nos Estados Unidos nunca acontecerá aqui?

A prisão do guru da extrema direita, mesmo que por roubo e (ainda) não pela manipulação das redes sociais, pode inspirar os próximos passos das investigações sobre o Gabinete do Ódio e o processo no TSE sobre as fraudes das mentiras na eleição brasileira.

A própria direita americana pode ter decidido dar um basta nos crimes cometidos pelas quadrilhas que cercam Trump.

Quando a direita brasileira fará o mesmo com Bolsonaro e seus milicianos?

___________________________________________________________________

A FRAUDE
A prisão é motivada por apenas uma das pontas dos delitos cometidos pelo homem que ajudou a inventar Trump e colaborou no Brasil para a invenção de Bolsonaro.

Ele foi detido por causa das fraudes em uma campanha virtual de doações para a construção de um muro na fronteira entre Estados Unidos e México, uma das promessas de Trump.

A campanha, que levantou US$ 25 milhões, foi usada para angariar dinheiro de doadores. Mas era uma farsa, porque enganou apoiadores com a promessa de que todo o valor seria usado para a construção do muro, de acordo com o Departamento de Justiça dos EUA. O dinheiro foi desviado.

Há muitos outros crimes cometidos por Bannon, como a produção de fake news, que inspiraram a campanha de Bolsonaro. O homem de Bannon no Brasil é Eduardo Bolsonaro.

Mas o guru tem influência sobre Ernesto Araujo e orienta até as relações exteriores brasileiras. Os americanos acabam de prender um bandido íntimo da família Bolsonaro e com voz de comando sobre a estrutura de poder no Brasil.

_________________________________________________________________

A notícia da prisão de Steve Bannon é manchete do The Wall Street Journal e do USA Today, mas está jogada lá no meio da página do The New York Times.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!