Da invasão de Putin a fotos de OVNIs, 16 provas de que Janaína Paschoal é a vice dos sonhos para Bolsonaro

Ela
Ela em um grande momento

 

Janaína Paschoal deve ser sagrada vice de Jair Bolsonaro nos próximos dias.

A “musa do impeachment” tem mostrado sua preocupação com a nação em sua conta no Twitter, onde ela pontifica sobre tudo e todos — de alcoolismo a OVNIs.

Habitante de algum universo paralelo, com um certo charme olavista fin de siècle, Janaína é um case internacional de humor involuntário.

Comediantes batalham anos para juntar um repertório que consiga casar tão bem a idiotice grosseira de Moe, dos Três Patetas, com a faceirice de um Hitler pré-Parkinson.

Janaína é o que os americanos chamam de uma “natural”. Ela nasceu com isso dentro dela — e ninguém tira.

Alia a esse dom para fazer rir um messianismo moleque, um messianismo arte que talvez encontre rival apenas em Inri Christo.

Ok. Às vezes ela exagera na performance, como aquela pomba gira que encarnou na Faculdade de Direito do Largo de São Francisco, mas isso acontece até com gênios da comédia física como Jim Carrey.

Abaixo, dezesseis grandes momentos da fabulosa JP:

 

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!