DCM Café da Manhã: O recuo do ditador neoliberal do Equador e a cocaína no avião da comitiva de Bolsonaro