Deputado autor de homenagem a Pinochet na Assembleia de SP atacou Manuela d’Ávila num Roda Viva infame

 

A Assembleia Legislativa de São Paulo abrigará no dia 10 de dezembro, às 18h, um “ato solene em memória do Presidente Augusto P. Ugarte”.

O P. é de Pinochet.

Sim, ele mesmo. O ditador chileno, cujo currículo inclui 80 000 pessoas presas, 30 000 torturadas e mais de três mil assassinadas, será homenageado na casa.

O autor do projeto é um bolsonarista chamado Frederico d’Ávila, do PSL.

No site da Alesp, ele aparece como “produtor rural no sudoeste paulista, conselheiro e diretor da Sociedade Rural Brasileira e vice-presidente da Aprosoja/Nacional.”

“Outro destaque apresentado por Frederico é o PL 92/2019, que institui o Programa Cívico-Militar no ensino fundamental e médio da rede pública e privada”, lê-se.

Um dos coordenadores da campanha de Jair Bolsonaro para o agronegócio, Frederico foi visto com vida pela última vez no ano passado, quando traiu Alckmin, de quem era assessor, e virou notícia.

“Eu voto em Jair Bolsonaro para presidente da República”, disse à Folha.

“Ele é a melhor pessoa para comandar um país à beira da falência econômica, política e moral. Um governo Bolsonaro coloca o Brasil nos eixos”.

Deu no que deu. 

Esteve no infame Roda Viva com Manuela D’Ávila fazendo-lhe questionamentos confusos e agressivos em torno da ladainha terraplanista de que o fascismo é “de esquerda” etc etc.

A direção da TV Cultura teve que se desculpar pelo imbecil.

Frederico tentou o Senado e a Câmara Federal, mas acabou enterrado como deputado estadual.

Vai saudar Pinochet porque, em primeiro lugar, quer agradar Bolsonaro e seu gado.

Em segundo, porque é um consumado idiota.

Bater palma para general que autorizou rede de pedofilia e ficou milionário com tráfico de drogas é parte do novo normal nacional.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!