Desempregado após sair da Record, ator investe na música: ‘No Brasil, a gente se vira’

Ângelo Paes Leme (Foto: Reprodução)

Do Notícias da TV

Apesar do alto índice de desemprego no Brasil, Angelo Paes Leme decidiu deixar a comodidade de um contrato de longo prazo para se sentir livre e se jogar na aventura da vida, como ele mesmo diz. O ator de 44 anos não teve seu vínculo com a Record renovado e tem aproveitado o tempo livre para se dedicar a novos trabalhos. Ele lançou seu primeiro CD solo e agora quer fazer shows e pensar em novos projetos.

“A saída da Record estava nos meus planos, eu estava querendo correr livre, não ter exclusividade. Estou tocando um monte de projetos, na música e na minha carreira de ator. No Brasil a gente se vira, é difícil essa coisa de ser cantor e ator, mas a gente faz por amor. Acho que o artista tem isso, essa coisa de enfrentar, de querer sempre se sentir livre para escolher [o que quer fazer]”, afirma.

Paes Leme teve contrato com a Record nos últimos 12 anos, período em que atuou em nove produções, entre novelas e minisséries (a última foi O Rico e Lázaro, em 2017). Ele afirma que foi feliz em todos os projetos da emissora, mas queria viver novas histórias.

“Não é fácil [sair], a comodidade de não ter preocupação financeira é muito boa. O contrato vai te dar isso, mas acho que você tem que estar completo nele. No meu caso, eu queria correr o risco, estou aí como todo mundo. Posso ser considerado um desempregado? Posso. Como também posso ser considerado um cara autônomo, livre, que tá trabalhando para conseguir outras coisas, novas aventuras. Acho que vale o preço”, comenta.

(…)

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!