Duda Nagle diz ter menos tesão em Sabrina Sato grávida e causa climão

Eles

Do UOL

Grávida de 6 meses, a apresentadora Sabrina Sato contou sobre a expectativa para ter em seus braços sua primeira filha, fruto do relacionamento que vive com o ator Duda Nagle, em uma entrevista para o canal da atriz Thais Fersoza no YouTube. No papo, ela explicou que a gravidez não foi totalmente planejada.

“Ela foi feita no carnaval. Sambei e ainda fiz filho (risos). Fui viajar, bebi todas, voltei pra casa, trabalhando igual uma doida. Depois de uns 2 meses eu tô fotografando e vejo as pessoas comentando que eu tava sem minha cintura, mas falei que engordei depois do carnaval, que tava comendo muito. Aí o fotógrafo falou que eu tava grávida. Falei que não, eu tava menstruada, mas eu estava com sangramento e não sabia. No dia seguinte eu fiz o teste. No fim do ano passado eu tirei o DIU, mas eu tinha medo de mudar a rotina (sendo mãe)”, recordou.

(…)

Sabrina também falou sobre sexo durante a gravidez e admitiu que agora o desejo é maior. “A gente quer muito mais, tem mais vontade, vários sonhos eróticos, mas na hora que a gente vai fazer eu me sinto um pouco estranha, mas faço. Eu tenho mais vontade, acho. Me sinto desconfortável pelo corpo, mas também pela bebê”, explicou.

Enquanto falavam sobre isso, Duda chegou, e Thais quis saber o ponto de vista dele. “Sexo na gravidez é mais legal ou mais ou menos?”, perguntou. “Mais ou menos, né? Meio esquisito (risos)”, assumiu ele. “Esquisito por pensar que tem uma criança ali dentro?”, continuou a dona do canal. “Não dá pra esquecer desse pequeno detalhe que não é um detalhe”, disse ele. “Eu acho que ele acha que eu virei uma santa. Homem começa a achar que a mulher virou uma santa depois que ela tá grávida”, palpitou Sabrina.

Thais continuou no assunto e questionou se ele ficou com mais ou menos tesão em Sabrina após saber que ela estava grávida. “Menos,  bem menos”, admitiu o ator. “Muito obrigada”, alfinetou a apresentadora, com bom humor. “Estou vendo as manchetes: ‘Duda Nagle perdeu o tesão'”, completou ela.  “Acho isso tão natural. As prioridades mudaram”, explicou ele.

(…)

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!