Ela pediu demissão da firma que odiava — dançando

Marina Shifrin mandou a empresa em que trabalhava às favas (“às favas” é bonito). E fez um vídeo para comemorar. Seu chefe não deve estar feliz, mas dane-se. Boa, Marina.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!