Emir Sader diz como não cair na armadilha montada por Bolsonaro sobre o fim ou não do isolamento social

Emir Sader

Em entrevista hoje no DCM Café da Manhã, o sociólogo Emir Sader advertiu para o erro que a oposição comete ao criticar Bolsonaro pela defesa que ele faz da defesa do fim da quarentena.

“Bolsonaro está sendo bem sucedido ao jogar no colo dos governadores a responsabilidade pelas dificuldades que as pessoas enfrentam para sobreviver nesta época da pandemia”, afirmou.

Ao dizer que o isolamento social prejudica os mais pobres, ele diz algo que os mais pobres entendem e concordam. Mas o que precisa ficar claro é que Bolsonaro é que nega aos mais pobres a condição mínima para permanecer em casa e não colocar a vida em risco.

Na análise dele, o discurso da oposição deve ser outro: entender que é impossível para as pessoas mais pobres permanecer em casa sem o auxílio emergencial e responsabilizar Bolsonaro pela fome e outras dificuldades que as pessoas enfrentam.

“Não há data para a liberação da segunda parcela do auxílio emergencial e ainda existem milhões de pessoas que, mesmo tendo direito, ainda não recebem esse auxílio”,  afirmou.

“A culpa é do Bolsonaro, e isso tem que ficar claro”, acrescentou.

Ele também defendeu a divulgação de mensagens mais curtas, como esta que hoje bombou na rede social: “Paga, Bolsonaro”. O caminho é este.

Depois da entrevista, Emir Sader foi à rede social e escreveu:

“Enquanto a pandemia não aparecer para a maioria da população como o problema fundamental que vivemos e o Bolsonaro como o responsável por ela, não haverá condições para o impeachment.”

Quando as pessoas não ficam em casa por absoluta necessidade de sobrevivência, a pandemia aumenta em razão de maior contágio. Quem é o culpado? Bolsonaro.

Assista ao DCM Café da Manhã, em que Emir também falou sobre Regina Duarte, a quem apresentou Fidel Castro, e o futuro político de Lula:

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!