Adélio volta ao debate com aparelhamento da PF por Bolsonaro e tentativa de desenterrar caso facada

Publicado em 9 abril, 2021 11:33 am

Após o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) pedir para o novo diretor-geral da PF, Paulo Maiurino, ressuscitar a investigação do caso da facada, o nome de Adélio Bispo, autor do crime, chegou aos assuntos mais comentados do Twitter.

Tanto bolsonaristas como pessoas normais estão comentando o caso.

Enquanto uns perguntam “quem mandou matar Bolsonaro”, outros questionam “por que a facada não matou Bolsonaro”.

Confira a repercussão:

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!