Bolsonaro defendeu Hugo Chávez em entrevista

Publicado em 30 abril, 2019 4:00 pm

Jair Bolsonaro já foi menos belicoso com relação à Venezuela.

Em entrevista ao Estadão em 1999, o então deputado federal pelo PPB disse que Hugo Chávez era uma “esperança para a América Latina”.

“Chávez é uma esperança para a América Latina e gostaria muito que essa filosofia chegasse ao Brasil”, declarou. “Acho ele ímpar. Pretendo ir a Venezuela e tentar conhecê-lo.”

Questionado sobre o que achava de Chávez ser apoiado na época pelos comunistas, Bolsonaro saiu pela tangente.

“Ele não é anticomunista e eu também não sou. Na verdade, não tem nada mais próximo do comunismo do que o meio militar”, falou.

Segundo Bolsonaro, o venezuelano lembrava o marechal Castelo Branco, ditador do Brasil entre 1964 e 1967.

“Acho que ele vai fazer o que os militares fizeram no Brasil em 1964, com muito mais força. Só espero que a oposição não descambe para a guerrilha, como fez aqui”, afirmou.

Jair Bolsonaro defendendo Hugo Chávez. Foto: Reprodução/Estadão

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!