Bolsonaro fez lobby na Índia para garantir interesse de laboratórios na comercialização de cloroquina

Publicado em 10 junho, 2021 6:27 am
O presidente Jair Bolsonaro. Foto: Isac Nóbrega/PR

Jair Bolsonaro atuou diretamente em favor de duas empresas privadas brasileiras ligadas a bolsonaristas.

Ele ligou para o primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, em abril do ano passado e pediu que acelerasse a exportação de insumos par a fabricação de cloroquina.

O presidente citou nominalmente as empresas EMS e Apsen, ambas têm em seus comandos empresários bolsonaristas.

Carlos Sanchez, que comanda a EMS, já foi recebido por Bolsonaro no Palácio do Planalto e participou do jantar com empresários em São Paulo.

O presidente da Apsen, Renato Spallicci, é um bolsonarista declarado.

A informação consta num telegrama secreto do MRE (Ministério das Relações Exteriores) em posse da CPI da Covid.

Com informações do Globo.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!