“É tudo veado aqui”, a frase chocante de Bolsonaro a presidente da Guiné-Bissau

Publicado em 11 setembro, 2021 8:55 am
O presidente da Guiné-Bissau, Umaro Sissoco Embaló, e Jair Bolsonaro
O presidente da Guiné-Bissau, Umaro Sissoco Embaló, e Jair Bolsonaro. Foto: Isac Nóbrega/PR

Em reunião com Umaro Sissoco Embaló, Jair Bolsonaro soltou uma frase que chocou o chefe de Estado. “É tudo veado aqui”, disse o presidente, referindo-se aos membros do Itamaraty. O presidente da Guiné-Bissaú havia elogiado a instituição.

Ele foi rapidamente socorrido por uma outra autoridade, segundo a coluna de Ancelmo Gois no Globo. Segundo ele, “veado”, no português brasileiro, significa o mesmo que “paneleiro” no português de lá.

O encontro ocorreu duas semanas depois de reunião com Marcelo Rebelo, presidente de Portugal.

Leia também:

1 – Presidente é condenado a indenizar repórter em R$ 20 mil por ataque machista: “Queria dar o furo”

2 – Em SC, mandatário volta a atacar: “Aquele filho da puta do Barroso”

Bolsonaro também chocou presidente de Portugal com “piadas”

Em almoço com Rebelo, Bolsonaro também causou constrangimento. Como tiozão do churrasco, ele se referiu ao povo europeu de maneira jocosa e contou piadas de cunho sexual. A comitiva portuguesa saiu do Brasil horrorizada.

A Associação Pela Fraternidade Portugal-Brasil (APFPB) repudiou o comportamento do mandatário. Para o grupo, o presidente  “destilou com desenvoltura um repertório de asneiras e grosserias que constrangeu o seleto grupo de autoridades internacionais”

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!