Caçada ao serial killer Lázaro tem até uso de drone

Publicado em 20 junho, 2021 12:06 pm
Drone. Foto: Wikimedia Commons

Quase 300 agentes de segurança entraram, neste domingo (20), no 12º dia de buscas em Cocalzinho de Goiás por Lázaro Barbosa.

LEIA – Lázaro obrigou refém a fazer declaração de amor para a mulher enquanto os dois eram amarrados

Lázaro é suspeito de uma série de assassinatos em Goiás e no Distrito Federal. O rapaz de 32 anos supostamente se esconde numa área de mata há quase duas semanas e desafia as autoridades locais.

LEIA MAIS – Lázaro invadiu fazenda, roubou carregador de celular, queijo, R$ 30 reais e fugiu, diz caseiro

Autoridades tentam capturá-lo com operações diárias.

Além dos 270 agentes públicos, o cerco a Lázaro inclui o uso de um drone da PF (Polícia Federal) com uma câmera termal, capaz de detectar diferenças de temperatura, cães farejadores especialmente treinados, além de blitze nos veículos que circulam pela região e até policiais especialmente treinados em ambiente de catinga e cerrado.

Com informações da Record.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!