Comparação entre salários de Marta e Neymar no Enem causou queda do presidente do Inep

Publicado em 27 fevereiro, 2021 10:26 am

 

Reprodução: Internet

 

Da Revista Veja:

A demissão do presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Alexandre Ribeiro Pereira Lopes, foi decidida internamente no governo por causa da insatisfação do presidente Jair Bolsonaro com a abordagem de questões de demonstravam a desigualdade entre homens e mulheres em provas como o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), porta de entrada para mais de 50 universidade federais. A gota d’água foi a abordagem da diferença salarial entre a maior jogadora de futebol de todos os tempos, a brasileira Marta, e o craque Neymar Jr., o mais importante brasileiro em atividade de futebol. O tema, alvo de uma questão na primeira prova do Enem deste ano, levou a protestos do presidente Jair Bolsonaro, que disse ter considerado “ridícula” a comparação entre os dois atletas. (…)

A queda do presidente do Inep ocorre na semana em que foi realizada a reaplicação do Enem, adiado para candidatos que, por conta da pandemia, tiveram problemas logísticos para realizarem a prova na data original e para aqueles que foram contaminados pelo novo coronavírus e não puderam fazer os exames. A demissão de Alexandre Lopes foi decidida em janeiro. (…)

 

LEIA MAIS: A resposta de Marta a Bolsonaro quando o presidente naturalizou a diferença salarial entre ela e Neymar

 

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!