Criador da “Dilma Bolada” afirma ter sido abordado por agência ligada ao PSDB

Publicado em 20 maio, 2014 3:13 pm

 

O criador do mais influente perfil fake de Presidente da República, Jeferson Monteiro, trocou acusações com um marqueteiro ligado ao PSDB, Pedro Guadalupe. Monteiro, autor da “Dilma Bolada”, denunciou uma tentativa de compra da sua página no Facebook por uma agência de marketing que teria se ligado ao PSDB por meio do publicitário. Já Guadalupe afirma que foi procurado pela mesma agência, que lhe ofereceu a página para a campanha presidencial.

Segundo Monteiro, há algumas semanas ele foi abordado pela Agência Ama, que oferece perfis influentes para campanhas publicitárias de empresas. Ele foi convidado para integrar um “plano de venda de apoio político da suas páginas para as eleições presidenciais deste ano”. A ideia seria usar a “Dilma Bolada” — que tem mais de um milhão de curtidas no Facebook — para fazer campanha eleitoral disfarçada.

Segundo Monteiro, a agência teria afirmando que estaria em contato com o PSDB e o estudante deu continuidade à conversa ” levando a coisa só pra saber até onde ia a cara de pau”.

— A agência chegou a me oferecer meio milhão de reais — conta Monteiro.

Monteiro, então, foi procurado por e-mail por Pedro Guadalupe. O primeiro afirma que o marketeiro estaria animado com a possibilidade. O segundo, que queria conseguir uma “prova” do suposto interesse de Monteiro em mudar de lado.

— Eu fui procurado pela agência, que ofereceu vários personagens da web, inclusive a “Dilma Bolada”. Eu pensei: “nossa, o Jeferson tá querendo mudar de lado”. Já sabia que ele estava insatisfeito com o espaço que tinha no PT. Comecei a me comunicar com alguns amigos jornalistas, que me disseram que eu precisaria de alguma prova. Mandei um e-mail para ele, e ele respondeu — conta.

 

 

SAIBA MAIS

EXTRA