Cristiano Ronaldo dedica título de Portugal na Eurocopa a imigrantes

Publicado em 11 julho, 2016 9:35 am

Do Globo:

 

Cristiano Ronaldo não é craque apenas dentro do campo. Em meio a uma onda de intolerância que toma conta da Europa com o referendo que aprovou a saída do Reino Unido da União Europeia e a rejeição a imigrantes que saem de zonas de guerra em busca de uma vida melhor no Velho Continente, o atacante português dedicou o primeiro título da história de Portugal na Eurocopa a todos os imigrantes.

– É um troféu para todos os portugueses, para todos os imigrantes, todas as pessoas que acreditaram em nós. Estou muito feliz e muito orgulhoso – disse o atacante de 31 anos.

Portugal foi campeão graças a um gol decisivo de Éder, jogador nascido em Guiné-Bissau, na África, e que entrou no segundo tempo para balançar as redes do goleiro LLoris na prorrogação.

Dos 23 campeões portugueses, nove nasceram em outros países. Além de Guiné-Bissau, há atletas de Cabo Verde, Angola e até França, Alemanha e Brasil, representado pelo zagueiro Pepe, que se transformou num dos grandes jogadores da final e, assim como Ronaldo, foi duplamente campeão europeu neste ano. Ambos já haviam conquistado a Liga dos Campeões da Europa pelo Real Madrid.

 

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!