Desembargador pede vista e adia decisão sobre inelegibilidade de Crivella

Publicado em 21 setembro, 2020 6:59 pm
Marcelo Crivella. Fotos: Renan Olaz/CMRJ/DIVULGAÇÃO

De Gabriel Barreira no G1 Rio.

A maioria dos desembargadores do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) acompanhou o desembargador relator Cláudio Dell’Orto e votou pela pela inelegibilidade do prefeito do Rio, Marcelo Crivella (Republicanos), em sessão nesta segunda-feira (21).

O desembargador Vitor Marcelo Rodrigues pediu vistas e vai concluir o voto na quinta-feira (24), quando o julgamento será finalizado. A ação diz respeito a um evento na Comlurb em que Marcelo Hodge Crivella, filho de Crivella, foi apresentado como pré-candidato a deputado.

O relator do caso afirmou ainda que não cabe a cassação de Crivella, mas determinou a procedência das seguintes acusações:

  • abuso de poder político
  • conduta vedada
  • multa máxima, de R$106 mil

A ação foi movida pelo PSOL e pela Procuradoria Regional Eleitoral (PRE). A reunião ocorreu na quadra da Estácio de Sá com funcionários da Comlurb. Eles foram levados em carros oficial da empresa.

(…)

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!