Enquanto a versão nacional puxa o saco, CNN americana rebaixa Trump a Bolsonaro

Publicado em 7 julho, 2020 2:25 pm
Donald Trump posa ao lado do presidente Jair Bolsonaro no encontro do G20 Foto: Alan Santos / PR

Da Coluna de Kennedy Alencar no UOL.

Nada mais ilustrativo da derrocada política de Donald Trump do que ser comparado a Jair Bolsonaro. Normalmente, o presidente brasileiro é retratado na imprensa internacional como uma cópia do colega americano.

Nesta terça, a CNN americana fez diferente. Rebaixou Trump ao patamar de Bolsonaro com uma reportagem intitulada “EUA e Brasil lideram casos de covid-19 no mundo enquanto seus líderes minimizam o vírus”.

Em cerca de 2 minutos, o repórter Bill Weir diz que Trump e Bolsonaro “são duas pessoas do mesmo tipo. “Ambos amam o Twitter e, aparentemente, odeiam usar máscaras. Ambos estão sempre em conflito com os maiores médicos de seus países.”

A CNN entrevistou um apoiador típico de Bolsonaro que duvida do coronavírus: “Se existe , é fraco”. Lembrou que Bolsonaro disse “e daí?” quando indagado sobre o Brasil ter ultrapassado a China em número de mortes.

Basicamente, a reportagem do canal de notícias americano recuperou todas as barbaridades que o brasileiro falou sobre a covid-19, mostra como ele replica Trump ao desprezar a ciência e dinamitar medidas de prevenção, vetando o uso de máscara em escolas e igrejas. O americano se recusa a usar máscara em público e a assinar uma ordem executiva tornando obrigatório o equipamento em todo o país.

(…)

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!