Globo é acusada de cortar homenagem a Marielle em seu programa

Publicado em 16 agosto, 2019 8:12 pm
Marielly cantou no “The Voice” – Foto: Reprodução/Globo

De Daniel César no site NaTelinha.

A Globo está sendo acusada, na noite desta quinta-feira (15), pelas redes sociais, de ter cortado uma homenagem a ex-vereadora do Rio de Janeiro, assassinada no ano passado, Marielle Franco, que teria ocorrido nas gravações do “The Voice Brasil”.

A acusação teria partido através do Twitter. Uma usuária chamada Jéssica Moraes relatou que participou da gravação do programa no dia 10 de julho, antes da atração estrear, e contou aos seus seguidores que uma participante se chamava Marielly e, quando falou seu nome, a plateia gritou “presente”.

Iza, nova técnica da competição, também disse “presente” e ainda acrescentou: “Marielle presente”. Ivete Sangalo não se calou e foi no mesmo caminho que a sua colega de programa. “Marielle presentíssima”, declarou a cantora baiana.

Porém a cena não foi esteve presente na edição desta quinta e internautas apontaram um possível corte da produção do programa. “Nota 0 para Globo”, escreveu um usuário do Twitter.

O grito “Marielle presente” se tornou um símbolo dos políticos, ativistas e pessoas com ideologias de esquerda. A ex-vereadora foi morta a tiros no Rio de Janeiro no começo do ano passado e há indícios que os assassinos sejam ligados ao alto comando da milícia carioca.

(…)