Manuela D’Ávila ultrapassa Jair Bolsonaro e lidera ranking de relevância no Twitter

Publicado em 11 maio, 2018 11:56 pm

De Maria Luiza Abbott e Marcelo Stoppa da AJA Media Solutions.

A deputada estadual do Rio Grande do Sul Manuela D’Ávila (PC do B) ultrapassou Jair Bolsonaro (PSL) e assumiu a liderança no ranking de visibilidade e relevância dos pré-candidatos à Presidência da República no Twitter, na semana de 3 a 10 de maio. A grande surpresa da semana, porém, foi o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal Joaquim Barbosa que, com apenas um tuíte comunicando que não iria mais concorrer, saltou de 13º para 3º lugar no ranking. Na subida, Barbosa abocanhou parte da visibilidade de todos os seis primeiros colocados, segundo análise semanal conduzida pela AJA Solutions, empresa parceira da Factual Informação e Análise.

As redes sociais são feitas de diálogo e a saída de Barbosa era a novidade que todo mundo queria contar e falar a respeito. Essa dinâmica acabou reduzindo a share de relevância dos outros candidatos na semana. A natureza das redes também explica por que a visibilidade de Bolsonaro está em queda e a de Manuela, em alta nas últimas duas semanas.

Apesar de ter seis vezes mais seguidores do que Manuela, o pré-candidato do PSL  tem variado pouco o discurso, que tem ressonância apenas entre seus seguidores já conquistados, sem conseguir sensibilizar uma audiência maior.

Já Manuela vem criando diálogos mais significativos, falando de temas que interessam a um número maior de usuários da rede. Vem também se diferenciando por não repetir os velhos discursos ideológicos, defende a união com frequência, com um sorriso que predomina em sua timeline, em fotos ou vídeos. Dessa forma, vem conseguindo que suas mensagens sejam replicadas por um universo maior, que inclui seguidores de outros candidatos. Com essa estratégia, ela vai muito além dos limites de seus 197 mil seguidores.

Em 4º lugar no ranking está Guilherme Boulos,  pré-candidato do PSOL e em 5º, o ex-presidente Lula (PT). É interessante notar que tanto Boulos quanto Manuela vêm defendendo com frequência a candidatura de Lula e tuitam esse apoio em vídeo e texto. Sempre que o fazem, conseguem aumentar a ressonância de seus tuítes e criam um ecosistema onde há seguidores dos três, o que amplifica o alcance de suas mensagens na rede.

(…)

Cada rede social impõe uma forma de se comunicar. O Twitter está na categoria das redes sociais, mas inaugurou o conceito de microblogging. Parte do sucesso de Manuela nesta semana foi ter aproveitado sua participação na 73ª Reunião Geral da Frente Nacional de Prefeitos para dar flashes ao vivo de suas falas. Esta técnica de microblogging, que remonta ao início do Twitter, rendeu a ela mais likes e compartilhamentos do que  se tivesse postado apenas uma mensagem geral, com um grande destaque no evento. Esta simplicidade na comunicação, de mandar textos curtos, têm a vantagem de tornar as mensagens “buscáveis” e ajuda os mecanismos de busca sobretudo a associar a pré-candidata a um universo semântico.

(…)

Na falta de variedade do discurso,  o pré-candidato do PSL segue atacando no Twitter. Nesta semana, reclamou e critícou a mídia e brigou com o candidato do PSOL, com quem seus seguidores e seu filho já tinham trocado tuítes duros na anterior.

(…)

Manuela D’Ávila domina a rede social. Foto: Reprodução/FactualAnálise
Acompanhe as publicações do DCM no Facebook. Curta aqui.

Clique aqui e assine nosso canal no youtube