Marco Aurélio minimiza ataque de Bolsonaro ao Congresso e STF: ‘Vamos dar um desconto’

Publicado em 26 fevereiro, 2020 8:11 pm

Do Correio Braziliense

Marco Aurélio Mello. (foto: Carlos Moura/SCO/STF )

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF) minimizou o fato do presidente da República, Jair Bolsonaro, compartilhar vídeos pedindo apoio a manifestações convocadas por apoiadores contra o Congresso Nacional e o Supremo.

Para o magistrado, diante do conteúdo divulgado, é possível avaliar que o presidente não fez convocação para as manifestações. “Não chamou, não chamou (manifestações). Você vendo o que se veiculou, hora alguma, ele, de viva voz chamou para estar na rua; Vamos dar um desconto e ser positivos, que o Brasil tem problemas mais sérios”, disse o ministro ao Correio.

De acordo com Marco Aurélio, existem outros assuntos de maior relevância para serem tratados no momento. Ele citou, entre outros temas, o temor de uma epidemia de coronavírus, tendo em vista que o primeiro caso da infecção foi confirmado em um paciente de São Paulo. “Eu aponto as desigualdades sociais, que nos vergonha”, completou Marco Aurélio. (…)

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!