Massacre de milhares de cachorros de rua na Rússia antes da Copa do Mundo

Publicado em 14 junho, 2018 4:34 pm

El País:

A poucos meses do início da Copa do Mundo de 2018 na Rússia, um deputado desse pais denunciou a matança de milhares de cachorros que vivem nas ruas das cidades que sediarão o torneio. As autoridades regionais, de acordo com o deputado, seguem ordens para estabelecer uma operação para acabar com a vida de centenas e centenas de animais de rua.

“Recebemos muitas petições de ativistas de direitos dos animais e cidadãos solidários que afirmam que os cães estão sendo baleados em massa e sendo submetidos à eutanásia em várias cidades-sede da Copa do Mundo”, protestou o chefe do comitê de proteção ambiental da Câmara baixa russa, Vladimir Burmatov, ao jornal Parlamentskaya Gazeta.

Os cachorros de rua são comuns nas cidades russas devido à resistência pública a esterilizar animais de estimação. No mês passado, o vice-primeiro ministro da Federação Russa, Vitaly Mutko,estimou que existam cerca de dois milhões de animais de rua nas cidades-sede e pediu que o problema fosse resolvido de forma humanitária.

Burmatov disse que seu comitê enviou uma carta oficial ao ministro dos Esportes, Pavel Kolobkov, alertando sobre o “extermínio em massa de animais sem dono” nas cidades-sede. Na carta ele também pediu que solicitasse às autoridades regionais o uso de “métodos humanitários sem acabar com a vida dos animais, mutilá-los ou feri-los”.