Moro foi convidado para ministério por Paulo Guedes ainda na campanha, diz general Mourão

Publicado em 1 novembro, 2018 8:52 am

Reportagem Cristiane Agostine no Valor Econômico informa que o juiz federal Sergio Moro foi convidado durante a campanha eleitoral pelo economista Paulo Guedes para participar do futuro governo de Jair Bolsonaro (PSL), segundo o vice-presidente eleito, general Hamilton Mourão (PRTB). Moro se reunirá na manhã desta quinta-feira com Bolsonaro e Mourão para discutir sua eventual participação no governo, no comando do Ministério da Justiça, que será fundido com o Ministério da Segurança.

De acordo com a publicação, responsável pela Operação Lava Jato, Moro tirou o sigilo de parte da delação do ex-ministro Antonio Palocci que cita o ex-presidente petista Luiz Inácio Lula da Silva a menos de uma semana do primeiro turno eleitoral.m”Isso (o convite) já faz tempo, durante a campanha foi feito um contato”, disse Mourão nesta quarta-feira, ao falar sobre o convite a Moro, detalhando que o contato foi feito por Guedes, futuro ministro da Economia (atual Fazenda).

A reunião de Moro com Bolsonaro e Mourão será na casa do presidente eleito, em um condomínio na Barra da Tijuca, no Rio. No domingo, a mulher de Moro, a advogada Rosangela, comemorou a vitória de Bolsonaro. A advogada afirmou no Instagram que estava feliz e colocou uma imagem do Cristo Redentor e o número 17, de Bolsonaro. Postou ainda uma bandeira do Brasil com a frase “sob nova direção”.

Sérgio Moro: exoneração da UFPR. Foto: EBC