Morre Dona Maria de Lourdes Albuquerque, a Mãe da Anistia no Ceará e avó da nossa colaboradora Sara Goes

Publicado em 12 outubro, 2020 2:39 pm
Morre Dona Maria de Lourdes Albuquerque, a Mãe da Anistia no Ceará e avó da nossa colaboradora Sara Goes. Foto: Reprodução/O Povo

De Eliomar de Lima no jornal O Povo.

Dona Maria de Lourdes Albuquerque (98), um ícone da esquerda cearense, a “Mãe da Anistia” no Ceará, morreu às 4h15min desta segunda-feira, na Otoclinica, de falência dos rins.

Nascida em Chaval, no ano da fundação do antigo Partido Comunista do Brasil, 1922, no qual seu marido Mário Albuquerque (já falecido) militou, durante a ditadura, teve vários de seus nove filhos presos, torturados e exilados dos quais se destacam o sociólogo Pedro Albuquerque e Mário Albuquerque, este presidente da Comissão Estadual de Anistia Wanda Sidou.

Ela era sogra do jornalista Waldemar Menezes, do O POVO.

O corpo vai ser velado na Funerária Ternura, a partir das 11 horas. O sepultamento ocorrerá às 15h30min, no Cemitério Jardim Metropolitano (Eusébio). Seus outros filhos são Nadja (exilada no Canadá), Niedja, Neidja, Nadedja, Joana (esposa de Waldemar Menezes) Wilson e Célio.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!