‘Não preocupa’, diz Ernesto Araújo sobre taxação do aço brasileiro pelos EUA

Publicado em 2 dezembro, 2019 6:43 pm

Do Uol

O chanceler Ernesto Araujo fala com a imprensa após encontro com o Secretário de Estado americano Mike Pompeo nos EUA – AFP

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) não telefonou para o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, para tratar da retomada da taxação de importações de aço e alumínio brasileiros, informou hoje o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo.

A medida, que também afeta a Argentina, foi anunciada hoje pelo presidente dos Estados Unidos via Twitter, e pegou o governo brasileiro de surpresa.

Segundo o ministro, a iniciativa anunciada não preocupa o governo brasileiro e o momento é de entendê-la. Ele afirmou que ainda não procurou ninguém nos Estados Unidos e quem que está a cargo das tratativas são os diplomatas em Washington D.C., capital norte-americana.

“Por enquanto, não [Bolsonaro não ligou]. Por enquanto, estamos num nível técnico no sentido de entender as medidas. […] Sim [sem retaliar]. Vamos conversar, entender a medida. Como eu digo com toda a tranquilidade, não estamos, de forma nenhuma, apurados com isso. [O momento é de] avaliar o impacto, avaliar exatamente o tipo de medida que os Estados Unidos estão pensando”, disse.

(…)